O ex-ministro e ex-governador Jaques Wagner (PT) admitiu à imprensa que há insatisfação na base do governador Rui Costa (PT), mas garantiu que não há risco de debandada. A insatisfação por parte de alguns siglas ocorre após a retirada da senadora Lidice da Mata (PSB) da chapa majoritária.

“Tem uma insatisfação, uma contestação da decisão tomada pelo conselho político, mas não há um horizonte de ruptura. Quem não foi contemplado fica chateado, insatisfeito. Ela é mulher, a chapa fica sem representação feminina e ela tem as razões dela até mesmo pela trajetória. Durante esse período, nós tivemos várias conversas. Agora é andar para frente porque daqui a pouco temos que começar a campanha”, afirmou ao Bahia Notícias.