Acesse o Sudoeste Hoje via Mobile em qualquer lugar!
  • Fernando: Quer ser a Ana Maria Braga e Louro José do senado federal com culinária.
  • Sandra: Daqui a pouco vai para ao mministério público dizer que o trâmete da sessão foi errada para anular .Não...
  • Correto: Dá pra notar a índole do elemento que mesmo com a cusparada tendo sido filmada e ele ainda nega. Para o bem...
  • Cavaquim: Votei em Piritiba na certeza que era um candidato íntegro, mas se misturando com essa corja cai por terra a...
  • Zé de biu: Valdeir só apoia o que não presta.Veja turma dele: Tiquinho, Romildo e Diga Diga.
  • Fernando: O vereador não se defende nos momentos do espaço dele ele só faz acusações, acusa Davi Ferraz , Rodrigo...
  • May: Concordo com o velho ditado que diz: não se mexe em time que está dando certo. Se existe resultados positivos,...
  • Fernando: A oposição está doida pra ver o DEM fora da administração e juntar com eles(oposição), vira e mexe fica a...
  • Anonymous: Onder tá entregado corriculo
  • Fernando: Usarei esse espaço para fazer algumas observações construtivas para ajudar a administração municipal...
  • Anonymous: criminoso , ladrão safado
  • Davi Ferraz: O pior dos crimes é o latrocínio
  • Cavaquim: Dois vagabundos que logo estarão soltos pela “justiça” brasileira.
  • Anonymous: A minha filha martaram em vit da conquista em junho e até agora ñ se sabe de nada.
  • Martha Aulete: PT, a gente não é bobo… Eis: Filosofia do PT: Embustismo, zorra, bilontragem, vigarismo,...
leitores online


OPOSIÇÃO LANÇA CAMPANHA POR CPI DA CORRUPÇÃO NA INTERNET

CPI da Corrupção

O Democratas e a oposição lançaram hoje (16) uma campanha para pressionar os parlamentares a assinarem o requerimento de criação da CPI da Corrupção, com o apoio da sociedade. A ideia é convidar os internautas que são a favor de uma investigação tanto na Câmara quanto no Senado a incluir um adesivo em sua foto do perfil do site de relacionamentos. A estratégia da oposição é pressionar deputados e senadores, através da opinião pública, a furarem o bloqueio dos aliados do governo e buscar ainda apoio de entidades civis já organizadas de combate à corrupção, como o Movimento da Ficha Limpa.
A campanha conta até com um site – http://www.cpidacorrupcao.blogspot.com -, onde é possível acompanhar a relação dos deputados que já assinaram o requerimento.Clique aqui para colar o adesivo em sua foto nas redes sociais. “Vamos divulgar, inclusive, os nomes dos deputados que não assinarem o requerimento em apoio à CPI da Corrupção. Com o apoio da sociedade, podemos vencer essa batalha, pois o governo fará de tudo para impedir a instalação da comissão”, afirmou o líder do Democratas, deputado ACM Neto.

4 respostas para “OPOSIÇÃO LANÇA CAMPANHA POR CPI DA CORRUPÇÃO NA INTERNET”

  • GERALDO HABIB says:

    ONTEM, TIVE A OPORTUNIDADE EM ASSISTIDO A TV SENANDO, VER O PRONUNCIAMENTO DO SENADOR COUTO, PSDB DO PARA, E ME DEU VONTADE DE MORAR NAQUELE ESTADO SÓ PARA UM DIA VOTAR NAQUELE HOMEM, QUE EM ALTO E BOM TOM, CONCLAMAVA OS GOVERNISTA A VOTAREM A FAVOR DESTA CPI. É PRECISO DAR UM BASTA NESTA MENTIRA DESLAVADA DA FAXINA FEITA PELA PRESIDENTE. SE ELA E ESTE PARTIDOZINHO DE CORRUPTOS REALAMENTE DESEJAM UMA FAXINA QUE ELES VOTEM A FAVOR DESTA CPI, GRITAVA AQUELE SENADOR DESAFIANDO O SENADO. VALEU !!!

  • GERALDO HABIB says:

    ME ENGANE QUE EU GOSTO. ESTE PAIS NÃO TEM JEITO NÃO. A DEMOCRACIA QUE ELES TANTO LUTARAM É ESTA AI, SOMENTE PARA SERVIR OS INTERESSES DESSES DESGRAÇADPS.

    Dilma fecha acordo com PMDB para manter Rossi e demitir ‘apadrinhados’
    Presidente decide manter o indicado de Temer no comando da Agricultura com intuito de evitar atritos com o PMDB, mas avisa que 12 servidores indicados podem ser trocados por técnicos

  • GERALDO HABIB says:

    ESSA PORCARIA NÃO VAI DAR EM NADA, COMO NÃO DEU EM NADA COM O PREFEITO DE CAMAÇARI, OS ANÕES DO ORÇAMENTO E TODOS OS ESCANDALOS DE ROU BO NESTE PAIS.

    O secretário-executivo do Ministério do Turismo, Frederico Costa, pediu demissão do segundo cargo da pasta. O ministro Pedro Novais já recebeu a informação e aguarda a formalização do pedido.

    Veja também:
    Escândalo no Turismo pode ter pelo menos 18 denunciados
    PT e PMDB são campeões em emendas
    ‘Deputada queria minha ONG de laranja’, diz pastor
    Supremo vai investigar deputada
    Pasta regulamenta novas regras para convênios

    Wilson Pedrosa / AE 12/08/2011 Costa foi um dos presos pela Operação Voucher da Polícia FederalCosta foi um dos presos pela Operação Voucher da Polícia Federal. Ele é suspeito de liberação irregular de verbas públicas para a ONG Instituto Brasileiro de Desenvolvimento de Infraestrutura Sustentável (Ibrasi). Nos dois últimos anos, o instituto recebeu do ministério R$ 12 milhões sem a devida contraprestação de serviços.

    Costa também responde a processo disciplinar administrativo.

  • GERALDO HABIB says:

    ALGEMAS NELES, LADRÃO É LADRÃO.

    Assunto: Fwd: Nota de Esclarecimento: atuação da Polícia Federal no Brasil

    Nota de Esclarecimento: atuação da Polícia Federal no Brasil – 12/08/2011 – 18:31
    A Associação Nacional dos Delegados de Polícia Federal vem a público esclarecer que, após ser preso, qualquer criminoso tem como primeira providência tentar desqualificar o trabalho policial. Quando ele não pode fazê-lo pessoalmente, seus amigos ou padrinhos assumem a tarefa em seu lugar.

    A entidade lamenta que no Brasil, a corrupção do PT tenha atingido níveis inimagináveis; altos executivos do governo, quando não são presos por ordem judicial, são demitidos por envolvimento em falcatruas.

    Centenas de milhões de reais – dinheiro pertencente ao povo- são desviados diariamente por aproveitadores travestidos de autoridades. E quando esses indivíduos são presos, por ordem judicial, os padrinhos vêm a publico e se dizem “ estarrecidos com a violência da operação da Polícia Federal”. Isto é apenas o início de uma estratégia usada por essas pessoas com o objetivo de desqualificar a correta atuação da polícia. Quando se prende um político ou alguém por ele protegido, é como mexer num vespeiro.

    A providência logo adotada visa desviar o foco das investigações e investir contra o trabalho policial. Em tempos recentes, esse método deu tão certo que todo um trabalho investigatório foi anulado. Agora, a tática volta ao cenário.

    Há de chegar o dia em que a história será contada em seus precisos tempos.
    De repente, o uso de algemas em criminosos passa a ser um delito muito maior que o desvio de milhões de reais dos cofres públicos.

    A Associação Nacional dos Delegados de Polícia Federal colocará todo o seu empenho para esclarecer o povo brasileiro o que realmente se pretende com tais acusações ao trabalho policial e o que está por trás de toda essa tentativa de desqualificação da atuação da Polícia Federal.

    A decisão sobre se um preso deve ser conduzido algemado ou não é tomada pelo policial que o prende e não por quem desfruta do conforto e das mordomias dos gabinetes climatizados de Brasília.

    É uma pena que aqueles que se dizem “estarrecidos” com a “violência pelo uso de algemas” não tenham o mesmo sentimento diante dos escândalos que acontecem diariamente no país, que fazem evaporar bilhões de reais dos cofres da nação, deixando milhares de pessoas na miséria, inclusive condenando-as a morte.

    No Ministério dos Transportes, toda a cúpula foi afastada. Logo em seguida, estourou o escândalo na Conab e no próprio Ministério da Agricultura. Em decorrência das investigações no Ministério do Turismo, a Justiça Federal determinou a prisão de 38 pessoas de uma só tacada.

    Mas a preocupação oficial é com o uso de algemas. Em todos os países do mundo, a doutrina policial ensina que todo preso deve ser conduzido algemado, porque a algema é um instrumento de proteção ao preso e ao policial que o prende.

    Quanto às provas da culpabilidade dos envolvidos, cabe esclarecer que serão apresentadas no momento oportuno ao Juiz encarregado do feito, e somente a ele e a mais ninguém. Não cabe à Polícia exibir provas pela imprensa.

    A ADPF aproveita para reproduzir o que disse o ex-ministro Márcio Thomaz Bastos: “a Polícia Federal é republicana e não pertence ao governo nem a partidos políticos”.
    Brasília, 12 de agosto de 2011
    Bolivar Steinmetz
    Vice-presidente, no exercício da presidência

Deixe seu comentário


  • 8 de outubro de 2019 | 20:24


  • 8 de outubro de 2019 | 20:02


  • 8 de outubro de 2019 | 09:39

    ITAPETINGA E REGIÃO


  • 19 de agosto de 2019 | 18:45


  • 3 de agosto de 2019 | 21:32

  • HOTEL HERCÍLIA PACHECO
    25 de março de 2019 | 22:23


  • 19 de março de 2019 | 12:52


  • 19 de março de 2019 | 12:38

    Resultado de imagem para sitio itororo


  • 7 de dezembro de 2018 | 00:58


  • 8 de novembro de 2018 | 20:34

  • RSSArquivo de Quentinhas & Boas »


WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia