maio 2018
D S T Q Q S S
« abr   jun »
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  
Acesse o Sudoeste Hoje via Mobile em qualquer lugar!
  • jose´antonio: Este vieram em um veiculo co placa de salvador, venham verificar para depois não chorar o leite...
  • jose´antonio: Aqui na rua Macarani chegaram um carro lotado de pessoas de Salvador, o mesmos furaram a barreira e a?
  • Servidor público: Sr Davi,o Sr sabe informar sobre o decreto do Estado? Se as referidas repartições publicas tem...
  • Davi Ferraz: ‘Servidor Público’, as repartições públicas seguem as determinações de cada esfera de...
  • Servidor público: Repartições públicas como fórum, TRT, Ponto Sac,como fica com o decreto da prefeitura?
  • Sandra: Os militantes petistas estão irritados dizendo que tem politiqueiros fazendo pânico alarde, creio que os que...
  • FALA SERIO: Fechar apenas parte do comércio penaliza apenas parte dos comerciantes. Vejo que lojas de médio e pequeno...
  • Vergonha!: Inrresponssável, em uma época dessa de vírus, fazer reunião partidária, já acha pouco, muitos têm esse...
  • José: Vai chegar um momento que todos vão ter que sair para trabalhar: com vírus, ou sem vírus. O país não vai...
  • COMO SE IMPLANTA O COMUNISMO: COMO SE IMPLANTA O COMUNISMO: O governo diz ao povo fique em casa que é pelo bem de...
  • VIRAMOS IMORTAIS POR OUTRAS DOENÇAS: O Milagre do Coronavírus! Hoje, conversando com meu irmão Ozorio, que também é...
  • Correto: Esse pessoal precisa ser monitorado urgentemente para o bem deles e o bem das pessoas que eles terão contato.
  • Falo a verdade: Se cada um desse que quer reabrir o comercio pegasse o vírus ficasse sem.sintomas e passasse pros...
  • MAIS UM FORTE MOTIVO: Depois que esse senhor esteve circulando em vários pontos da cidade de Itapetinga visitando e...
  • Anonimo: Abrir o comércio, só vai aumentar o risco de contaminação, não sou a favor da abertura do comércio. Já diz o...
leitores online


ASSOCIAÇÃO DE CAMINHONEIROS CONFIRMA ACORDO COM O GOVERNO E PEDE FIM DA PARALISAÇÃO

A Associação Brasileira dos Caminhoneiros (Abcam) confirmou nesta segunda (28) a assinatura do acordo para pôr fim à paralisação dos caminhoneiros autônomos. O governo federal decidiu congelar por 60 dias a redução do preço do diesel na bomba em R$ 0,46 por litro, valor referente ao que seria a retirada do PIS/Cofins e da Cide sobre esse combustível. Depois desse período, o preço do diesel será ajustado mensalmente. Além disso, a alíquota da Cide sobre o diesel será zerada até o final do ano.

“A Abcam considera o acordo assinado uma vitória, já que o anterior previa uma redução de apenas 10% por apenas 30 dias. Entretanto, a associação acredita que até dezembro deste ano o governo encontre soluções para que essa redução seja permanente”, informou a associação, em nota.

Ministros que integram o gabinete de monitoramento e representantes da área econômica do governo passaram o dia reunidos, no domingo (27), no Palácio do Planalto, para calcular os impactos do acordo, assinado à noite por lideranças dos caminhoneiros autônomos.

“Sendo assim, já que o objetivo foi alcançado, a Abcam pede a todos os caminhoneiros que voltem ao trabalho”, diz a nota da entidade.

Em mensagem, o presidente da Abcam, José da Fonseca Lopes, pediu que os caminhoneiros voltem satisfeitos e orgulhosos. “Conseguimos parar este país e sermos reconhecidos pela sociedade brasileira e pelo governo. Nossa manifestação foi única, como nunca ocorreu na história. Seremos lembrados como aqueles que não cederam diante das negativas do governo e da pressão dos empresários do setor. Teremos o reconhecimento da nossa profissão, de que nosso trabalho é primordial para o desenvolvimento deste país. Voltem com a sensação de missão cumprida, mas lembrando que a luta não termina aqui”, disse.

3 respostas para “ASSOCIAÇÃO DE CAMINHONEIROS CONFIRMA ACORDO COM O GOVERNO E PEDE FIM DA PARALISAÇÃO”

  • BRASILEIRO É PELÊGO, FURA GREVE. says:

    Os caminhoneiros entraram corajosamente em greve reivindicando seus justos direitos que, entre os principais deles, visam sair do trabalho quase escravo, ou seja, eles investem dinheiro na compra de caminhão caro, com manutenção cara, rodam em péssimas estradas cheias de buracos nos asfaltos e muitas vezes atolam em estradas de barro e pagam pedágios aviltantes. Constantemente têm pneus furados ou rasgados que cada um deles custa em torno de R$ 2.000,00 (dois mil reais). Quando o caminhão vai para a oficina as peças e mãos de obra especializadas são caras para efetuar o conserto. E, para piorar, o valor do frete não compensa o esforço das extenuantes viagens pois o diesel está caro em função dos altos impostos estaduais e federais embutidos. Tudo isso sem contar o constante terror que vivem nas estradas com medo de perder suas vidas em função dos sequestros e roubos das cargas que transportam.

    Os caminhoneiros entraram em greve e os brasileiros, entendendo seus problemas, os apoiaram nas redes sociais e alguns levam / levaram água e alimentação para eles. Afinal se eles forem vitoriosos todos os brasileiros serão beneficiados através do efeito cascata, pois as mercadorias não sofreriam constantes aumentos nos preços decorrentes das elevações dos valores dos fretes.

    Para que essa vitória dos brasileiros fosse alcançada com mais êxito contra esse governo corrupto que desgoverna o Brasil o nosso apoio foi realmente suficiente?

    A resposta é um contundente NÃO.

    Nós não deveríamos todos estarmos correndo aos postos de combustíveis para brigar pela compra de gasolina ou álcool. Se a palavra de ordem é parar o Brasil, era só aderir ao movimento paredista deixando seu carro parado na garagem ou na porta da sua residência. Era só deixar de comprar esses combustíveis e deixá-los somente para uso das pessoas que estivessem nas estradas viajando, ou para ambulâncias, carros de bombeiros e viaturas policiais e para profissionais da saúde, como médicos e enfermeiros, etc. Os demais brasileiros deveriam ficar simplesmente em casa, sem trabalhar, para ajudarem os caminhoneiros a PARAREM O BRASIL.

    Ao invés disso, ficamos brigando uns contra os outros para comprar combustíveis para irmos TRABALHAR, indo na contra mão do movimento. Ou seja, NÓS BRASILEIROS QUEREMOS PARAR O BRASIL PARA RECUPERARMOS NOSSOS DIREITOS PERDIDOS AO LONGO DOS ANOS MAS NÃO QUEREMOS PARAR DE TRABALHAR.

    E nós, de nossas casas, ficamos só na torcida, querendo que os CAMINHONEIROS RESISTAM, FICANDO SEM TRABALHAR, ENQUANTO NÓS ENFRAQUECEMOS A LUTA DELES AO EXIGIRMOS COMPRAR GASOLINA PARA TRABALHAR.

    NÓS NÃO SOUBEMOS APOIAR ESSA HISTÓRICA E JUSTA GREVE DOS CAMINHONEIROS QUE QUASE PAROU O BRASIL PORQUE SOMOS MESMO PELEGOS, SOMOS FURA GREVE.

    MESMO ASSIM, OS CAMINHONEIROS ESTÃO DE PARABÉNS. MAS A VITÓRIA PODERIA SER AINDA MAIOR E MAIS ABRANGENTE SE SOUBÉSSEMOS APOIÁ-LOS.

  • Leandro silveira Rocha says:

    Toma.vergonha e para e mentir

  • Leandro silveira Rocha says:

    A greve acabou …mais.fora temer na todos parados e NINGUÉM aceitou nada de acordo

Deixe seu comentário



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia