Acesse o Sudoeste Hoje via Mobile em qualquer lugar!
  • Luiz: Que manchete mais tendenciosa e sacana, Itapetinga merecia uma imprensa mais responsável.
  • Anônimo: Davi. Não foi assalto. Simplesmente os garotos foram socializar os celulares e logo em seguida devolveram...
  • Anonymous: Poltronas quebradas, carros sem descanso dos pés.
  • Turab molay: Moro no Clerolandia desde criança um dos bairros esquecidos pela a administração pública, via chico...
  • Jorge: Essa avenida é de exclusivo interesse do município de itapetinga, os moradores e comerciantes dessa avenida...
  • Anonymous: Senhor sabe tudo,se vc no alto da sua sabedoria entendesse um mínimo de administração pública,não tava...
  • Davi Ferraz: Póca urna querendo aparecer. Tiro surdo…
  • Retado: Davi, que história é essa que um tal vereador sem expressividade será candidato a vice governador? Notícia...
  • Anonymous: Deixa de ser ignorante cidadão! Ele tem feito o que está dentro de suas diretrizes, se fosse tão simples...
  • O Indagador: Faz arminha que o preço baixa!!!
  • Anonymous: Eu quero ver a cara desse povo quando lula colocar Jerônimo debaixo do braço e for pro pau,aí vamos ver...
  • Anonymous: Quem t que ser (demitido) é o senhor presidente.esse encenação sem lógica de tá esbravejando contra a...
  • Marcio: Manda ele vir pela estrada de macarani, e ver se tem condições de passar, ou até mesmo pela estrada de...
  • Rone: Moro aqui na Vila Isabel e vejo quanto “desenvolvimento” Itapetinga está tendo. Buraco, lama e...
  • Fabiano Pereira: Pois que venha os Reis do Agro… o Presidente… o ACM Neto… que grandes negócios...
leitores online


:: 11/jul/2012 . 22:53

ALFREDO CABRAL DIZ QUE NÃO QUIS SER VICE DE ZÉ CARLOS

ITAPETINGA: Em discurso proferido na sessão desta quarta-feira na Câmara Municipal, o vereador Alfredo Cabral de Assis (PSD) não mediu palavras para dizer que nunca quis ser candidato a vice na chapa do prefeito José Carlos Moura (PT). Segundo Cabral, não quis se unir com certos dois assessores e um secretário que fazem parte da equipe da atual gestão. “Nada pessoalmente contra essas pessoas, porém sei como agem e por isso não quis colocar o meu nome à disposição”, criticou ele.

Alfredo disse ainda que o grupo que assessora o prefeito José Carlos Moura(PT), ventilou seu nome sem autorização para compor a chapa de vice. “Não é o que eu queria, não autorizei ninguém a usar meu nome e fiquei muito chateado com essas ações”,disse.

Ao final do discurso, Cabral elogiou o vereador Gilson de Jesus (PC do B) por ter colocado seu nome à disposição como vice na chapa de Kátia Espinheira e criticou ações difamatórias contra o ex-prefeito Michel Hagge (PMDB) vem sofrendo em carros de som. Com informações do Itapetinga News

PARTIDOS LIGADOS AO PT NÃO REGISTRARAM AS COLIGAÇÕES

O registro individual dos candidatos pode inviabilizar as coligação, com os candidatos a vereador concorrendo dentro de cada partido.

 

ITAPETINGA: Finalmente, na tarde desta quarta-feira (11), o Cartório Eleitoral de Itapetinga divulgou o Edital com os pedidos de registro dos candidatos do PT e partidos da base governista. Ao contrário dos partidos da oposição, o grupo do prefeito só conseguiu registrar os seus candidatos a prefeito, vice e vereadores, individualmente, ficando de fora o registro das coligações, em decorrência da perda do prazo fixado em lei, que esgotou no último dia 05 de julho.

O registro individual dos candidatos a vereador dos partidos ligados ao prefeito, reforça a tese de que todos eles deverão disputar as eleições dentro dos seus partidos e não através de coligações, o que reduz drasticamente as chances de eleição desses candidatos. Outra agravante diz respeito ao fato desses partidos, com exceção do PT,  não terem registrado candidatos à eleição majoritária, o que pode levar, em tese,  ao indeferimento de todas essas candidaturas a vereador.

No Edital do registro da candidata Kátia Espinheira (PMDB) consta o nome da coligação, que foi registrada dentro do prazo legal.

Nos editais de registro dos candidatos Arnaldo Teixeira (PR) e Kátia Espinheira (PMDB) os nomes das coligações foram divulgados, porque os registros foram feitos dentro do prazo e as coligações foram devidamente comunicadas à Justiça Eleitoral.

Vem muita briga jurídica por aí, podem esperar.

Por Davi Ferraz 

 

GOVERNO E APLB NEGOCIAM FIM DA GREVE DOS PROFESSORES

 

O processo de negociação que pode levar ao fim da greve dos professores da rede pública estadual de ensino terá uma nova reunião, nesta quinta-feira, às 14h, no Ministério Público Estadual. Com intermediação do procurador geral de Justiça, Wellington Lima e Silva, o governador Jaques Wagner e os secretários Osvaldo Barreto (Educação) e Manoel Vitório (Administração) se reúnem com representantes da APLB/Sindicato dos Professores e o juiz Ricardo Schimitt, assessor do Tribunal de Justiça da Bahia. Na segunda-feira passada, o governador encaminhou correspondência ao procurador-geral de Justiça e ao presidente do Tribunal de Justiça , desembargador Mário Alberto Hirs, solicitando intermediação junto à APLB, “com vistas à finalização do movimento grevista”. Na quarta-feira, o governador e os secretários detalharam ao procurador a proposta de reajuste para os professores, além de informações complementares sobre o Fundeb e as planilhas com aplicação das promoções. “Além dos reajustes salariais concedidos à categoria neste ano, que variam de 6,5% a 11,5%, o Governo da Bahia se propõe a conceder aos professores licenciados, em novembro de 2012, promoção por meio de curso, com ganho de 7%, e em abril de 2013, nova promoção, também com ganho de 7%”, afirma Wagner no ofício.

Política Livre

SENADO CASSA DEMÓSTENES TORRES

Senado cassa Demóstenes Torres por 56 a 19

Votação foi de de 56 a favor da cassação e 19 contra

 

Os senadores aprovaram a cassação de Demóstenes Torres (ex-DEM-GO) em plenário nesta quarta-feira (11). Foram 56 votos a favor e apenas 19 contra, enquanto cinco parlamentares se abstiveram da votação secreta. O agora ex-senador, que em defesa comparou a sua situação à das “vagabundas”, foi considerado culpado da acusação de envolvimento com a organização criminosa do bicheiro Carlos Augusto Ramos, o Carlinhos Cachoeira, atualmente preso na penitenciária da Papuda. Com a decisão, lida pelo presidente da Casa, José Sarney (PMDB-AP), após quatro minutos da conclusão da votação, Demóstenes ficará inelegível por oito anos contados a partir do fim do mandato (fevereiro de 2019). Ele só poderá concorrer a um cargo político a partir das eleições de 2028. BN

ITAPETINGA: CANDIDATURAS DE ZÉ CARLOS E ALIADOS CONTINUAM SEM REGISTRO NO TSE

Apenas as candidaturas de Arnaldo Teixeira e Kátia Espinheira constam no site do TSE

 

ITAPETINGA: A perda do prazo para registro das candidaturas do PT e partidos aliados pode acarretar mais problemas do que o prefeito Zé Carlos e o seu grupo possam imaginar. Apesar de tentarem passar uma certa tranquilidade para os seus correligionários, há uma enorme apreensão entre os candidatos dos partidos da situação e muitas dúvidas para serem esclarecidas.

A maior dúvida reside no fato das coligações não terem sido registradas no prazo legal, o que, em tese, derrubaria essas coligações, prevalecendo apenas os registros individuais dos candidatos a vereador, que concorreriam dentro de cada partido, reduzindo drasticamente as chances de alcançarem o necessário coeficiente eleitoral e, consequentemente, a eleição.

Como se trata de uma situação sui generis, que também ocorreu em outras localidades, juristas têm se debruçado nos textos legais e na jurisprudência, para tentarem resolver esse verdadeiro quebra-cabeças. Segundo alguns juristas renomados, a oportunidade dada pela lei para que o candidato não registrado pelo partido o faça individualmente, nas 48 horas após o prazo, não sana a obrigatoriedade do registro das coligações, cujo prazo é improrrogável.

Se assim for, caem todas as candidaturas a vereador da base de apoio ao PT local, que além de não terem coligado oficialmente nas eleições proporcionais, também não lançaram candidatos próprios na eleição majoritária, como exige a lei. A rigor, sobrariam apenas os candidatos a vereador do próprio PT, os únicos que têm na chapa majoritária candidatos a prefeito e vice, como manda a lei. Seria um verdadeiro ‘efeito dominó’, onde caindo a primeira pedra, as demais cairiam sucessivamente.

Não é uma decisão fácil para a juíza eleitoral local e tudo leva a crer que a ‘pendenga’ será decidida mesmo no ‘tapetão’ do TRE, ou talvez do próprio TSE, se houver questionamento (impugnação) por parte de algum partido ou coligação concorrente.

Como costumam dizer os soteropolitanos, “vai ser um auê…”

Por Davi Ferraz

 

PROMOTORA DE JUSTIÇA AGRIDE ADVOGADO DURANTE AUDIÊNCIA

Santo Amaro: Promotora dá soco em advogado durante audiência

A  promotora Cleide deu um soco no advogado Murilo de Freitas na frente do juiz

 

A promotora de Justiça Cleide Ramos Reis agrediu o advogado Murilo de Freitas Azevedo com um soco durante uma audiência, no final da tarde de segunda-feira (9), no Fórum Odilon Santos, em Santo Amaro, no Recôncavo baiano. O juiz Alberto Fernando Sales de Jesus, que comandava a sessão, suspendeu a audiência após a confusão. De acordo com o termo assinado pelo magistrado a promotora agrediu o advogado com um soco na altura do rosto, o que levou a um pequeno sangramento na boca. A queixa de agressão foi registrada na delegacia da cidade no mesmo dia e na manhã desta terça (10), o jurista esteve no local para fazer o exame de corpo delito. A promotora, que já prestou explicações na corregedoria do Ministério Público da Bahia (MP-BA), não comentará o caso. Já o MP-BA informou que apura os fatos para emitir um comunicado oficial. Segundo a polícia, Murilo Azevedo registrou a queixa no mesmo dia, mas teve que retornar pela manhã, pois não havia delegado na unidade. O secretário-geral da Ordem dos Advogados do Brasil na Bahia (OAB-BA), Nei Viana, informou que a instituição vai instaurar um procedimento para apurar o fato. “Instauraremos processo de agravo público, além de representação aos órgãos do MP”, disse.

DEZESSETE DEPUTADOS BAIANOS DISPUTAM ELEIÇÕES MUNICIPAIS

Dezessete deputados baianos disputam prefeituras este ano

12 deputados estaduais e 5 federais disputam prefeituras em todo o Estado

 

As eleições de 2012 na Bahia terão 12 deputados estaduais e cinco federais entre os quase 1,5 mil candidatos a prefeito e vice-prefeito que disputarão o comando dos 417 municípios do estado. A situação é mais incisiva na Assembleia Legislativa (AL-BA), que terá 10 prefeituráveis e duas concorrentes a vice entre os 63 integrantes eleitos para cumprir o mandato de quatro anos em 2010. O PSD, com quatro parlamentares, é o partido com o maior número de postulantes: Adolfo Menezes (Campo Formoso); Cláudia Oliveira (Porto Seguro); Temóteo Brito (Teixeira de Freitas) e Ivana Bastos (vice de Paulo Costa em Guanambi). O PT, por sua vez, cedeu três nomes para a disputa: Carlos Brasileiro (Senhor do Bonfim); Joseildo Ramos (Alagoinhas) e Zé Neto (Feira de Santana). Com apenas um quadro, o PDT pleiteia a gestão de Jequié, com Euclides Fernandes; o PV tenta Bom Jesus da Lapa, com Eures Ribeiro; o PTN compete em Irecê, com Luizinho Sobral; o PSB almeja Candeias, com Sargento Isidório; e o PCdoB aposta em Kelly Magalhães como vice de Jusmari Oliveira, que tenta a reeleição em Barreiras.

Na Câmara Federal a bancada baiana sofrerá um pouco menos. Dos 39 deputados eleitos em 2010, apenas os prefeituráveis soteropolitanos ACM Neto (DEM), Márcio Marinho (PRB) e Nelson Pelegrino (PT),que será substituído por Emiliano José (PT), além do também petista Amauri Teixeira (Jacobina) e Jânio Natal (PRP, Porto Seguro), participarão da empreitada este ano. Torcida para o êxito dos 17 legisladores na jornada não faltará, já que pelo menos os seus suplentes fazem coro para que os titulares das cadeiras obtenham a tão desejada vitória nas urnas. BN


  • 4 de maio de 2022 | 10:06


  • 29 de abril de 2022 | 10:42

  • ESPAÇO RECANTO MARINHO
    29 de março de 2022 | 00:43

  • MORADA DO PARQUE
    29 de março de 2022 | 00:04


  • 28 de março de 2022 | 23:37


  • 27 de março de 2022 | 01:11


  • 27 de março de 2022 | 00:52


  • 26 de março de 2022 | 01:20

  • RODRIGO TÁ FECHADO COM PEDRO TAVARES
    14 de fevereiro de 2022 | 22:34

    Outra especulação sem pé nem cabeça tenta por em dúvida o apoio de Rodrigo Hagge ao deputado Pedro Tavares (DEM), o que não tem cabimento a essa altura do campeonato. Rodrigo tem reiterado o seu apoio ao deputado Pedro Tavares, que tem desempenhado um excelente trabalho em defesa das pautas de Itapetinga na Assembleia Legislativa e junto aos órgãos governamentais, gozando da inteira confiança de Rodrigo e do grupo. Não tem concorrente à altura no município e será reeleito com grande votação. O resto é conversa besta de quem não tem informação segura e só vive de intriga…

  • RODRIGO FICA E NÃO ABRE
    14 de fevereiro de 2022 | 21:40

    Pela milésima vez, especulam sobre uma improvável candidatura do Rodrigo Hagge a deputado estadual ou federal, interrompendo o seu mandato de prefeito faltando 2 anos e 8 meses do final, que só ocorrerá em 31 de dezembro 2026. Dois fatores são determinantes para que ele continue no cargo de prefeito, sem se arriscar numa aventura que pode não dar certo: 1º – o compromisso assumido com a população durante sua campanha para prefeito: 2º – a falta de articulação para construção de bases eleitorais em outros municípios, capazes de garantir sucesso numa eleição disputadíssima para o legislativo. Rodrigo vai longe, mas pode esperar mais um pouco.

  • RSSArquivo de Quentinhas & Boas »


WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia