Acesse o Sudoeste Hoje via Mobile em qualquer lugar!
  • revoltada: Tambem quero o email ou um contato de Sergio Moro, pra fazer uma denuncia da Justiça e da Educação na...
  • Não te interessa: Alguem sabe como posso acionar a policia federal e mandar uma mensagem pra Sergio Moro?
  • Fernando: Enquanto tem vereadores que trabalha outros vereadores atrapalha a cidade e a população.As sessões na...
  • Não te interessa: Só queria saber por que e tão dificil regularizar a situação de um imóvel nesta cidade. Será que tá...
  • Irene santos: Estou ansiosa pela chegada das casas Bahia no sul do Oeste Itapetinga éramos de santo Andre são Paulo...
  • Stephanie: Preciso trabalha sou mãe e infelizmente o pai da minha BB faleceu então é so eu é ela
  • nilza Maria Ferraz: não colocou o nome de tio Neuma e tio Nerivaldo e tio Nelson obrigada
  • Anonymous: Lamento,meus sinceros sentimentos pela triste perda. A saudade estará sempre presente!
  • Ione Almeida: Meus sentimentos a toda família.
  • CHURRASCO COM CARNE DE PAPELÃO: Que saudade do tempo dos esquerdistas quando enganavam a gente misturando papelão à...
  • Cavaquim: Luladrão foi atrás do “BREQUE FRAUDE” no TRF4, saiu de lá com um aumento de 40% na pena…...
  • Anônimo.: Como é que fica a questão dos equipamentos de segurança para realizar o trabalho em altura? Isso é contra a...
  • Fernando: Toda vez que tem longo período sem chuva ocorre temporal.Consciente que isso vai ocorrer governantes e...
  • Fernando: Os partidos trabalhando para disputar eleições o MDB já começou ,como sempre com força .A imprensa...
  • Noe: Rodrigo tá eleito a oposição e fraca dr Roberto não ganha o grupo de Rodrigo faz uns 6 vereador
leitores online


SENADOR JOÃO DURVAL PODE TROCAR O PDT PELO PP

 

Após perder o comando do PDT em Feira de Santana, o senador João Durval estuda a possibilidade de filiar-se ao PP, partido que o seu filho, o prefeito João Henrique, irá presidir em Salvador. Em Feira, o PDT agora está nas mãos do prefeito Tarcízio Pimenta, ex-DEM. Segundo matéria do jornal Tribuna da Bahia, o senador já teria consultado sua assessoria jurídica para saber se haveria problemas com a Lei da Fidelidade Partidária ao mudar de legenda, como prevenção contra pedidos de sua cassação. Se for para o PP, Durval permanecerá na base dos governos Dilma Rousseff, no Brasil, e Jaques Wagner, na Bahia. BN

3 respostas para “SENADOR JOÃO DURVAL PODE TROCAR O PDT PELO PP”

  • Geraldo Habib says:

    OS DOIS VÃO MORRER ABRAÇADOS

  • Zé da Hora says:

    Senador, faça um favor ao povo da Bahia: Não mude de partido, mude de status político, renuncie e deixe a política. Chega de sustentarmos inúteis e preguiçosos gastadores como você. Tchau, cai fora, dá linha, já vai tarde…

  • Geraldo Habib says:

    NESSA TOADA DE IR SE ARRUMANDO DAQUI E DALI, VEJAM O QU ESTE SOLDADINHO DE CHUMBO, DITADORZINHO DE MEIA PATACA DESEJA. SE OS ALOPRADOS DAQUI TOMAREM GOSTO PELA COISA, ESTE PAIS ESTA PERDIDO.

    Correio do Orinoco, o venezuelano garantiu que o câncer jamais o fez pensar em deixar a presidência. Ele confirmou ainda sua candidatura para as eleições presidenciais de 2012.

    “Estou resolvido a chegar até 2031”, disse Chávez ao mencionar o projeto que traçou desde sua chegada ao poder, em 1999, e pretende completar três décadas no poder, incluindo uma “década de ouro”, como ele diz, entre 2020 e 2030.

    Chávez, conhecido por seu estilo ativo, carismático e populista, está visivelmente enfraquecido para disputar um novo mandato em dezembro de 2012. Com a entrevista, o presidente tentou acalmar as especulações sobre seu estado de saúde.

    “Tenho razões médicas, científicas, humanas, razões de amor e razões políticas para me manter à frente do governo e da candidatura, com mais força do que antes”, disse o presidente, que faz 57 anos na quinta-feira. Chávez retornou à Venezuela no sábado, de surpresa. Ele passou a semana em Cuba fazendo quimioterapia.

    No seu retorno, disse que os médicos não detectaram “células malignas” em seu corpo, embora tenha ressaltado que ainda existe o risco de a doença voltar. Chávez anunciou que manterá sua agenda “reduzida” de compromissos para seguir as recomendações médicas.

    “Se houvesse razão, deixaria o poder. Principalmente se houvesse prejuízo à parte física ou mental. Seria o primeiro a querer parar, e de maneira responsável”, afirmou. Há detalhes sobre a doença que Chávez prefere guardar, uma vez que “fazem parte de sua experiência pessoal”.

    Chávez adiantou que a comemoração de seu aniversário será realizada no dia 28 com o povo em uma celebração nunca antes vista, embora não tenha revelado detalhes por questões de segurança. “A doença despertou ainda mais vontade de viver, de lutar e de vencer”.

Deixe seu comentário



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia