Acesse o Sudoeste Hoje via Mobile em qualquer lugar!
  • Anonymous: Poltronas quebradas, carros sem descanso dos pés.
  • Turab molay: Moro no Clerolandia desde criança um dos bairros esquecidos pela a administração pública, via chico...
  • Jorge: Essa avenida é de exclusivo interesse do município de itapetinga, os moradores e comerciantes dessa avenida...
  • Anonymous: Senhor sabe tudo,se vc no alto da sua sabedoria entendesse um mínimo de administração pública,não tava...
  • Davi Ferraz: Póca urna querendo aparecer. Tiro surdo…
  • Retado: Davi, que história é essa que um tal vereador sem expressividade será candidato a vice governador? Notícia...
  • Anonymous: Deixa de ser ignorante cidadão! Ele tem feito o que está dentro de suas diretrizes, se fosse tão simples...
  • O Indagador: Faz arminha que o preço baixa!!!
  • Anonymous: Eu quero ver a cara desse povo quando lula colocar Jerônimo debaixo do braço e for pro pau,aí vamos ver...
  • Anonymous: Quem t que ser (demitido) é o senhor presidente.esse encenação sem lógica de tá esbravejando contra a...
  • Marcio: Manda ele vir pela estrada de macarani, e ver se tem condições de passar, ou até mesmo pela estrada de...
  • Rone: Moro aqui na Vila Isabel e vejo quanto “desenvolvimento” Itapetinga está tendo. Buraco, lama e...
  • Fabiano Pereira: Pois que venha os Reis do Agro… o Presidente… o ACM Neto… que grandes negócios...
  • Fabiano Pereira: Quem ACHA GRAÇA do que falo é Zé Povinhooo que não sabe que á vida é feita de negócios e...
  • Luiz: Pois é, reclamar porque! vcs são responsáveis, pelo Patria Amada Brasil. AGORA VAMOS MOVIMENTO PELO BRASIL, 13...
leitores online


PROCURADOR GAÚCHO CULPA LULA PELO MENSALÃO

Lula jura de pés juntos que “não sabia de nada” 

 

O procurador da República no Rio Grande do Sul, Manoel Pastana, quer responsabilizar criminalmente o ex-presidente Lula pelo esquema do “mensalão”, cuja ação penal tramita no Supremo Tribunal Federal (STF). No dia 17 de abril, ele encaminhou uma representação ao procurador geral da República, Roberto Gurgel, com a solicitação. Para Pastana, há provas da responsabilidade do ex-estadista na montagem do esquema de captação e distribuição de recursos para aliados, em troca de apoio.

As provas, segundo o procurador, vêm de um conjunto de acontecimentos e atos do governo Lula iniciados em setembro de 2003, que se estenderam até setembro de 2004. “Foi o ex-presidente Lula quem praticou atos materiais que fomentaram esse gigantesco esquema criminoso, e sem a presença dele na ação penal, o STF não terá elementos para condenar os líderes, mormente os autores intelectuais do esquema criminoso, pois estes não praticaram atos materiais e não deixaram rastros. Do jeito que está, apenas os integrantes braçais da ‘sofisticada organização criminosa’ serão condenados”, declarou.

A assessoria de Lula não se manifestou. Informações do Congresso em Foco.

4 respostas para “PROCURADOR GAÚCHO CULPA LULA PELO MENSALÃO”

  • Zé da Hora says:

    Lula foi esperto. Desviou dinheiro prá caramba, e agora as empresas tão devolvendo o dinheiro para ele em forma de pagamento por palestras. Imagina só, este ano Lula já faturou mais de R$ 1.000.000,00 em palestras, a R$ 250.000,00 cada. Que conteúdo programático tem Lula a oferecer, em uma palestra neste valor. Só no Brasil.

  • Geraldo Habib says:

    Apenas colocou na justiça o que todos ja sabiamos. Outra indescencia fui o MInistro Mello arquivar o processo contro o atual Vice presidente. Tem jeito não, o pais esta entregue a baderna.

  • Geraldo Habib says:

    SEM COMENTARIOS ADICIONAIS. R E F L I T A M

    A ministra Ana de Hollanda vai devolver as diárias que recebeu indevidamente do Ministério da Cultura, assim como os ministros das Comunicações, Paulo Bernardo, e Afonso Florence, do Desenvolvimento Agrário, devolverão as quantias correspondentes a dias de folga que os três passaram em seus Estados. Respectivamente, Rio, Paraná e Bahia.

    Sem dramas nem contestações. A Controladoria Geral da União chegou à conclusão de que os três receberam extras por dias não trabalhados, recomendou a devolução e os ministros de imediato se prontificaram a seguir a recomendação.

    Claro que o ideal teria sido que os ministérios não tivessem feito aqueles pagamentos e que os próprios ministros evitassem recorrer ao estratagema de marcar compromissos oficiais às segundas e sextas-feiras nas cidades em que mantêm residências.

    O ótimo seria, inclusive, que não precisasse haver a denúncia via imprensa para que se fizessem as correções, mas, nesses casos, pelo menos a emenda não saiu pior que o soneto.

    O mesmo já não se pode dizer do caso dos passaportes diplomáticos concedidos pelo Itamaraty aos filhos e netos do então presidente Lula, dois dias antes do fim do mandato.

    Divulgada a concessão “por interesse do País”, o Ministério Público analisou os 328 passaportes concedidos em caráter excepcional, concluiu que os sete concedidos à família Silva não eram justificáveis e pediu que fossem devolvidos.

    Na ocasião, um dos filhos do ex-presidente avisou que devolveria o seu e o Itamaraty achou por bem revisar as regras para concessão de passaporte tornando-as mais rígidas.

    Tudo parecia se encaminhar para uma solução parecida com essa agora da devolução das diárias, mas algo aconteceu que deu ao desfecho outra direção: a da arrogância e da deselegância.

    Os passaportes não foram devolvidos e, diante da insistência do Ministério Público, o Itamaraty manifestou-se pela defesa de uma irregularidade que ele mesmo reconheceu ao mudar as regras para a concessão dos documentos.

    Por que tudo isso? Porque Luiz Inácio da Silva não admite ser contestado mesmo, quiçá principalmente, quando errado. Porque não quer dar o braço a torcer e porque se considera no direito de extrapolar e insistir na extrapolação pelo simples prazer de exercitar sua insolência e falta de polidez.

    Resultado: leva o Ministério das Relações Exteriores – que se deixa levar – a uma situação delicada e, sobretudo, inútil, obriga o Ministério Público a requerer a devolução dos passaportes na Justiça, expõe filhos e netos à crítica pública sem a menor necessidade e ganha o quê?

    Nada, além de acrescentar mais um a sua já extensa lista de maus exemplos. Para completar, agora só falta orientar a família a usar os passaportes a fim de “provar” que com ele ninguém pode.

    Business. O presidente do PSDB, deputado Sérgio Guerra (PE), é vice-presidente da Comissão Mista de Orçamento do Congresso. Nessa condição, foi o principal articulador do aumento do fundo partidário em R$ 100 milhões, atuando em dobradinha com o colega Gim Argello (PTB-DF).

    Além de resolver o problema de todos os partidos e em particular do PSDB e do PT, cujos déficits das campanhas de 2010 somam exatamente o valor do reajuste das cotas de ambos no fundo, o acerto permitiu que os tucanos não perdessem dinheiro.

    Como o PSDB elegeu menos deputados e senadores que na legislatura anterior e a distribuição do fundo é proporcional ao tamanho das bancadas, sem o aumento haveria prejuízo.

    Se a oposição compactua com ações em causa própria, fiscalizar quem haverá de?

    

  • Fazendo Justiça says:

    Foram denunciados na época, 40 LADRÕES do esquema MENSALÃO, e o julgamento tramita no STF a passo de tartaruga, e só agora foi denunciado ALI BABÁ, vamos esperar que o STF aceite a denuncia do Procurador gaucho,e julgue a quadrilha completa: ALI BABÁ E OS 40 LADRÕES

Deixe seu comentário


  • 4 de maio de 2022 | 10:06


  • 29 de abril de 2022 | 10:42

  • ESPAÇO RECANTO MARINHO
    29 de março de 2022 | 00:43

  • MORADA DO PARQUE
    29 de março de 2022 | 00:04


  • 28 de março de 2022 | 23:37


  • 27 de março de 2022 | 01:11


  • 27 de março de 2022 | 00:52


  • 26 de março de 2022 | 01:20

  • RODRIGO TÁ FECHADO COM PEDRO TAVARES
    14 de fevereiro de 2022 | 22:34

    Outra especulação sem pé nem cabeça tenta por em dúvida o apoio de Rodrigo Hagge ao deputado Pedro Tavares (DEM), o que não tem cabimento a essa altura do campeonato. Rodrigo tem reiterado o seu apoio ao deputado Pedro Tavares, que tem desempenhado um excelente trabalho em defesa das pautas de Itapetinga na Assembleia Legislativa e junto aos órgãos governamentais, gozando da inteira confiança de Rodrigo e do grupo. Não tem concorrente à altura no município e será reeleito com grande votação. O resto é conversa besta de quem não tem informação segura e só vive de intriga…

  • RODRIGO FICA E NÃO ABRE
    14 de fevereiro de 2022 | 21:40

    Pela milésima vez, especulam sobre uma improvável candidatura do Rodrigo Hagge a deputado estadual ou federal, interrompendo o seu mandato de prefeito faltando 2 anos e 8 meses do final, que só ocorrerá em 31 de dezembro 2026. Dois fatores são determinantes para que ele continue no cargo de prefeito, sem se arriscar numa aventura que pode não dar certo: 1º – o compromisso assumido com a população durante sua campanha para prefeito: 2º – a falta de articulação para construção de bases eleitorais em outros municípios, capazes de garantir sucesso numa eleição disputadíssima para o legislativo. Rodrigo vai longe, mas pode esperar mais um pouco.

  • RSSArquivo de Quentinhas & Boas »


WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia