outubro 2019
D S T Q Q S S
« set    
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  
Acesse o Sudoeste Hoje via Mobile em qualquer lugar!
  • Anonimo: Quem tá construído e a prefeitura
  • fafa: davi esse cara e oportunista no ganha pra nada e esse diga diga e a mesma merda dele no ganha tmb nao tudo...
  • Anonymous: Estava sendo divulgado na imprensa o valor que cada cidade terá direito com o leilão do pré sal , uma...
  • elenice dos santos: por favor quero saber onde deixar o curriculo
  • marta: so vai fica 5 vereadores nara ze antues tarugao bahia joao de deus e rodrigo ta ganho de novo
  • Moises: ITAPETINGA também poderia adotar as atuais estão horríveis.
  • MAURÍCIO GOMES DA SILVA: Parabéns, Alfredo Cabral! Marcos Correia é uma grande aquisição para o PSD em Itapetinga.
  • Zé de biu: Juracy e Paulo da Geladeira poca urna.
  • Ana Paula Araujo: Como eu faço pra pra mim trabalhar com vcs
  • Cavaquim: Para quem gosta de merda esse RP é um penico cheio.
  • Anonymous: Em busca do meu primero emprego
  • Fernando: Termo aditivo deve ser termo diminutivo, isso sim.
  • Augusto Affonso Maciel Pereira: Absurdo invasão de terras. Esses movimentos tem que ser coibidos. Já passou do tempo....
  • Thaíse silva santos: eu quero muito trabalhar eu já tenho experiência
  • Fernando: As terças feiras estão reunindo para segundo a oposição elaborar projetos para o prefeito que eles apoiar...
leitores online


:: ‘Geral’

ITABUNA: “GERALDISTAS” ARMAM VINGANÇA CONTRA RADIALISTA

Val Cabral disse que “a batata de Geraldo está assando no TSE”

A recusa do Tribunal Regional Eleitoral da Bahia em conceder registro de candidatura ao deputado Geraldo Simões (PT) causou comemorações efusivas do radialista Val Cabral, da cidade de Itabuna, na última semana. Entretanto, a liberação do registro de Simões pelo mesmo TRE ocorrida nesta terça (14) deu aos partidários do parlamentar petista a oportunidade da “vingança”. No início da tarde, os cabos eleitorais, amigos e eleitores fieis do político se reuniram à frente da Rádio Difusora, no Centro da cidade, no momento em que Cabral apresentava seu programa e iniciaram um foguetório que, segundo eles, servia para “homenagear” o radialista. Na verdade, o objetivo era apenas sabotar a transmissão durante alguns minutos a título de vendeta. Irritado, Cabral disse no ar que “a batata de Geraldo está assando” e “somente eleitor abestalhado e eleitor imbecil vota em político ladrão”. As informações são do site Pimenta na Muqueca.

ELEIÇÕES: TRE VOLTA ATRÁS E LIVRA A CARA DE GERALDO SIMÕES

TRE transforma Geraldo Simões em ‘ficha-limpa’

Mesmo com as contas rejeitadas pelos tribunais de Contas dos Municípios (TCM) e da União (TCU) no período em que foi prefeito de Itabuna (1990 e 2000), o deputado federal Geraldo Simões (PT) foi liberado pela Justiça para concorrer à reeleição este ano.  O Tribunal Regional Eleitoral havia negado a candidatura do petista por conta das supostas irregularidades na época em que governava a cidade no sul da Bahia, mas nesta terça-feira (14) resolveu voltar atrás da decisão e permitiu que o parlamentar concorra ao pleito. Entretanto, o Ministério Público Eleitoral deve ingressar com recurso junto ao TSE, para enquadrar o polêmico parlamentar como ‘ficha suja’.

O ‘arrependimento’ do TRE já era esperado, depois que o ‘time’ de Wagner entrou em campo, para livrar a cara do ‘companheiro’. O Sudoeste Hoje antecipou a ‘articulação’.

ITAPETINGA: CAMPANHA ELEITORAL CONTINUA FRIA E INDEFINIDA

Palanques e praças vazios retratam o desânimo do eleitorado

ITAPETINGA: O quadro político eleitoral em Itapetinga continua confuso e indefinido, às vesperas das eleições. O eleitorado ainda não ‘tomou gosto’ pela campanha e o que chama mesmo a atenção é a falta de entusiasmo da população em relação às dezenas de candidatos que se apresentam. Nos eventos e manifestações políticas,  quando não são as claques pagas e grupos de apoio para levantar as bandeiras, o que se observa é que o “eleitor normal” não está nem aí para os candidatos.

A campanha carece de emoção. Nada de novo – os mesmos personagens, os mesmos discursos, as mesmas acusações, as mesmas desculpas…Tudo como era há muito tempo atrás. Além de não ver os candidatos, a empolgação dos eleitores e novas mensagens, pode-se identificar outro problema: O facciosismo jornalístico das emissoras de radios, que chega a dar nojo.

Sem conseguir mobilizar os eleitores para eventos políticos, o programa predileto dos candidatos e seus ilustres representantes é visitar as feiras livres, onde a concentração de pessoas é garantida, nos finais de semana. As grandes ‘caminhadas’ e ‘domingueiras’, que arrastavam multidões, viraram coisa do passado e ninguém mais se arrisca em fazê-las, por falta de quorum.

A tão esperada ‘polarização’ entre os grupos dominantes da política local, não aconteceu, favorecendo aos candidatos “estrangeiros” ou “paraquedistas”, o que pode levar a uma disseminação ainda maior dos votos válidos nestas eleições. Prejuizo certo para os candidatos ‘locais’, que esperavam obter expressivas votações, acima dos 8 ou 10 mil votos. Isto também virou coisa do passado, ou talvez de um outro futuro…

Como a expectativa é de que a campanha ganhe um novo fôlego nos últimos 20 dias, vamos esperar, a partir de hoje,  para ver o que acontece. Sinceramente, não acredito em grandes mudanças.

Davi Ferraz – Editor

CNT/SENSUS: DILMA TEM 50,5 E SERRA 26,4

A candidata do PT à Presidência, Dilma Rousseff, aparece com 50,5% das intenções de voto na pesquisa CNT/Sensus divulgada na manhã desta terça-feira (14) – tinha 46% no estudo anterior, publicado no dia 24 de agosto. O seu principal concorrente, José Serra (PSDB), tem 26,4% – caiu 1,7% em relação ao último levantamento.  Em terceiro lugar, aparece a senadora Marina Silva (PV) com 8,9% das indicações (ela tinha 8,1%). Os candidatos Plínio de Arruda Sampaio (PSOL), Ivan Pinheiro (PCB), José Maria Eymael (PSDC), Levy Fidélix (PRTB), Zé Maria (PSOL) e Rui Costa Pimenta (PCO) não foram citados. O resultado confirma os números do instituto Datafolha, divulgado no sábado (11), em que Dilma apareceu com 50% e Serra, 27%. Brancos, nulos e indecisos totalizam 12,6% e a margem de erro é de 2,2 pontos percentuais para mais ou menos. Foram entrevistados 2 mil pessoas, em 136 municípios de 24 estados, entre os dias 10 e  12 de setembro de 2010. A pesquisa foi registrada no TSE sob o número 29.517-2010.BN

MARINA PEDE INVESTIGAÇÃO CONTRA MINISTRA DA CASA CIVIL

A candidata do PV à Presidência, Marina Silva, cobrou nesta segunda-feira (13) investigação “rigorosa e urgente” sobre as denúncias que vinculam a chefe da Casa Civil, Erenice Guerra, a lobbies privados junto ao governo. “É um caso para ser investigado com todo rigor e urgência, porque está ali a pessoa mais próxima do presidente da República”, disse a verde. A senadora afirmou que não fará “condenação a priori” e que ainda aguarda mais informações sobre o caso, mas reforçou a necessidade de apuração rápida do caso.

TRE PODE DAR UMA ‘MÃOZINHA’ A GERALDO SIMÕES

Time de Wagner quer “limpar a ficha” de Geraldo Simões

Deu na coluna Raio Lazer, da Tribuna da Bahia:Depois de ter impugnado a candidatura do deputado federal Geraldo Simões (PT) à reeleição, o Tribunal Regional Eleitoral (TRE) deve analisar sua situação até a próxima quarta-feira sob nova ótica, uma vez que ficou comprovado que não houve dolo nas contas que ele teve rejeitadas pelo TCU, motivo que tem levado à impugnação. A avaliação sobre o provável novo comportamento do TRE a respeito de Geraldo Simões leva em conta, inclusive, o posicionamento adotado pela Corte eleitoral baiana frente a casos muito parecidos de ex-prefeitos e ex-presidentes de Câmaras, a exemplo de Virgínia Hage e Saulo Pedrosa, apenas para ficar em alguns exemplos.”

Caso isto ocorra, a Procuradoria Eleitoral já avisou que vai ingressar com recurso junto ao TSE, pedindo a cassação do registro do candidato, a exemplo do que ocorreu com outras candidaturas impugnadas, que foram ‘aliviadas’ pelo TRE. Como dizem os críticos, no Brasil existem três tipos de justiça: a ruim, a péssima e a baiana.

Davi Ferraz (com informações do Politica Livre)

ELEIÇÕES: BRIGA DE FOICE NA DISPUTA PELO SENADO

O programa eleitoral no rádio desta segunda-feira (13) refletiu o acirramento apontado nas pesquisas na campanha para o Senado. Os candidatos se viraram com o que podiam: Walter Pinheiro (PT) e Lídice da Mata (PSB), que fazem a propaganda juntos, exploraram o fato de César Borges (PR) ter escolhido sua mulher como suplente. Em uma enquete, eles perguntaram às pessoas nas ruas o que achavam de o republicano ter Tércia como aspirante à vaga e colheram depoimentos que foram do “absurdo” ao “nepotismo”. Já o postulante à reeleição se utilizou da velocidade para listar dezenas de projetos da sua autoria no curto tempo de veiculação. A surpresa mesmo foi José Carlos Aleluia (DEM), que exibiu pedidos de votos de figurões da política: Índio da Costa (DEM), candidato a vice de Serra, o ex-governador de Minas Gerais que também pleiteia o Senado, Aécio Neves, e até Fernando Gabeira (PV), que tenta o governo do Rio de Janeiro, e no programa do democrata pediu voto para ele e o concorrente verde na Bahia Edson Duarte. José Ronaldo (DEM) não deve ter gostado nada nada disso. (Evilásio Jr. BN)

VEJA DENUNCIA ESQUEMA DE PROPINA ENVOLVENDO MINISTRA SUBSTITUTA DE DILMA

Erenice assumiu a Casa Civil no lugar de Dilma

Veio à luz a mãe de todos os escândalos do governo Lula-Dilma. É muito mais grave do que o mensalão. Israel Guerra, filho da ministra-chefe da Casa Civil, Erenice Guerra — sucessora de Dilma na pasta e seu braço-direito, como todos sabem —, montou um grupo para fazer a intermediação de verbas públicas. Ele cobra uma ‘taxa de sucesso’ de 6%. É pouco? Erenice, que já andou metida em outros casos nada republicanos do governo Lula, participou de reuniões. Segundo a Veja  Erenice deixou claro a um empresário com quem fez negócio, que a dinheirama cobrada era para “saldar compromissos políticos”.

OPOSIÇÃO QUER APURAÇÃO DA POLÍCIA FEDERAL E JUSTIÇA ELEITORAL

A oposição parece haver despertado, após a revelação da revista Veja desta semana de que, com anuência e apoio da ministra Erenice Guerra, braço direito e substituta de Dilma Rousseff na Casa Civil da Presidência da República, seu filho, Israel Guerra, virou lobista em Brasília, e faz intermediação de contratos milionários entre empresários e órgãos do governo mediante o pagamento de “taxa de sucesso”,  a sua empresa Capital Assessoria e Consultoria. O presidente nacional do PSDB, senador Sergio Guerra (PE), pediu que a Procuradoria Geral da República abra investigação imediata. O senador Jarbas Vascincelos (PMDB-PE), destacou que o balcão de negócios não foi instalado apenas nos ministérios, mas na Casa Civil, dentro do Palácio do Planalto. Estarrecido, o deputado Gustavo Fruet (PSDB-PR) pediu a Polícia Federal e a Justiça Eleitoral no caso imediatamente. Já o senador Demóstenes Torres (DEM-GO) acha gravíssimo que a ministra tenha dito, segundo a reportagem, que a propina era para “saldar compromissos políticos”, configurando corrupção e fator de impugnação da candidatura de Dilma Rousseff. Erenice distribuiu nota dizendo-se “ofendida e ultrajada”, Dilma diz que a denúncia objetiva prejudicar sua candidatura.

Repórter gravou tudo e avisa: vem mais por aí – O empresário Fabio Baracat, que estaria em Paris, hoje divulgou nota assinada e datada em São Paulo, desmentindo que tenha feito a denúncia, mas o autor da reportagem, Diego Escosteguy, revelou em seu twitter que tem tudo gravado e que se necessário for a revista vai divulgar o áudio em seu site. Ele tem recebido muitos elogios e também críticas de blogs vinculados ao governo e ao PT. “Aos xingamentos histéricos”, escreveu Escosteguy em seu microblog, “respondo com a reportagem que está nas bancas e com as que virão”. Baracat contou ainda à revista que precisou se livrar de caneta, relógio, celular, qualquer aparelho que pudesse embutir um gravador, antes da reunião com Erenice. O empresário contratou os préstimos da Capital Assessoria e Consultoria, e passou a pagar 25 000 reais mensais, sempre em dinheiro vivo, para que Israel fizesse avançar seus interesses em órgãos do estado. Se os negócios de Baracat se ampliassem, seria paga uma “taxa de sucesso” de 6%. Houve outras reuniões com Erenice, inclusive depois que ela virou ministra. O lobby de Israel Guerra, o empresário obteve contratos no valor de R$ 84 milhões com os Correios.

Diretor dos Correios confirma à ‘Folha’ – O diretor de Operações dos Correios, Artur Rodrigues da Silva, e o empresário Fabio Baracat, apontaram o filho da ministra-chefe da Casa Civil, Erenice Guerra, como intermediador entre uma empresa e o governo Lula. É o que informa o jornal Folha de S. Paulo em seu site.

Personagens do esquema na Casa Civil – Segundo a reportagem, o esquema no alto escalão do governo inclui Vinicius Castro, funcionário da Casa Civil, e Stevan Knezevic, servidor da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) hoje lotado na Presidência da República. Eles são parceiros do filho da ministra, Israel Guerra. “Como a Capital tem sede na casa do proprio Israel, o trio recorre a um escritório de advocacia em Brasília para despachar com os clientes. Ali trabalha gente importante. Um dos advogados é Marcio Silva, coordenador em Brasília da banca que cuida dos assuntos jurídicos da campanha presidencial de Dilma Rousseff. Outro é Antônio Alves Carvalho, irmão de Erenice Guerra.”, informa Veja.

DATAFOLHA: GEDDEL CRESCE E VAI A 14%

Geddel sobe, Souto desce

Pesquisa Datafolha divulgada na edição da Folha deste sábado mostra que aumentou para 30 pontos a vantagem do governador Jaques Wagner (PT) sobre o segundo colocado, o ex-governador Paulo Souto (DEM). O petista tem 48% das intenções de voto e o democrata, 18%. Geddel Vieira Lima (PMDB) aparece agora com 14%.

Neste cenário, Wagner estaria reeleito no primeiro turno. Geddel e Souto estão empatados, tecnicamente. Em relação à última pesquisa, Wagner oscilou de 47% para 48% e Souto perdeu cinco pontos (tinha 23%), enquanto Geddel saiu de 11% para 14%. Tanto o ponto ganho pelo governador como o crescimento do ex-ministro peemedebista estão dentro da margem de erro da pesquisa (três pontos percentuais).

A pesquisa aferiu que 13% estão indecisos e 5% dos consultados pretendem votar em branco ou nulo soma. Na espontânea (quando o eleitor diz em quem pretende votar sem que lhe apresentem cartela com os nomes dos candidatos), Wagner tem 31%, Souto 8% e Geddel, 7%. No queisto rejeição, 32% dos eleitores consultados disseram que não votariam em Paulo Souto. 21% rejeitam a ideia de votar em Geddel. A rejeição de Wagner é de 15%. Folha

DATAFOLHA REGISTRA CRESCIMENTO DE ALELUIA

Aleluia cresce e ultrapassa Zé Ronaldo e Edvaldo

O Datafolha deste sábado mostra César Borges com os mesmos 31% do levantamento anterior, Lídice da Mata com 28%, seis pontos a mais em relação a antes, e Walter Pinheiro com 26%, depois de ter também avançado cinco casas, uma a menos que a socialista.

A pesquisa mostra ainda que o deputado José Carlos Aleluia (DEM) cresceu cinco pontos e chega a 11%, e José Ronaldo (DEM) aparece com 10%. Edvaldo Brito (PTB) surge com 9% das citações, e Edson Duarte (PV), com 4%. Carlos Sampaio (PCB) aparece com 3%, e Zilmar e França (ambos do PSOL) aparecem com 2% cada um. Albione (PSTU) foi citado, mas não alcançou 1% das intenções de voto.

Dos eleitores, 13% votariam em branco ou anulariam o voto para uma das vagas, e 7% para as duas vagas. Não sabem em quem votar para uma das vagas 32%, e 23% ainda não decidiram nenhum dos votos. Foram ouvidos 1.104 eleitores em 43 municípios baianos.

CORREIO: RANKING DOS CANDIDATOS QUE MAIS INVESTEM RECURSOS PRÓPRIOS NA CAMPANHA

Geddel é o primeiro do ranking e Virginia Hagge a terceira

O jornal Correio trouxe na edição desta sexta-feira (10) uma lista dos candidatos baianos que mais tiraram dinheiro da própria conta para injetar na campanha eleitoral. Segundo uma parcial de prestação de contas, entre os 1.018 que postulam algum cargo político na Bahia, pelo menos 314 disseram que doaram recursos próprios para o pleito. No total foram mais de R$ 5 milhões que saíram de dentro dos “porquinhos”. Quem mais se doou foi o concorrente ao Governo do Estado pelo PMDB, Geddel Vieira Lima, que aplicou na própria campanha R$ 255,5 mil. Em segundo lugar está a deputada estadual Maria Luiz Laudano (PTdoB), que desembolsou R$ 247 mil para continuar na Assembleia Legislativa. Em terceiro no ranking vem a deputada Virginia Hagge (PMDB), que tirou da bolsa R$ 130 mil, para tentar se reeleger deputada estadual. Em quarto lugar vem o deputado  Isaac Cunha (PT), que já desembolsou R$ 125 mil. Correio

VOX POPULI: DILMA 53%, SERRA 21%, MARINA 9%

A pesquisa de intenção de votos do Vox Populi/Band/IG, desta quinta-feira (9), colocou a presidenciável Dilma Rousseff (PT) com 53% das preferências e o candidato do PSDB Jose Serra com 21%. É a segunda vez em que a petista apresenta leve queda na série de análises feita pelo instituto que divulga resultados do estudo diariamente. Na terça (7), ela caiu de 55% para 54%. Desta vez, o tucano permaneceu com o mesmo percentual. Marina Silva (PV) continua em terceiro com os mesmos 9% da pesquisa anterior. Brancos e nulos somam 5%

JEQUIÉ: JUIZ E PROMOTOR FAZEM BLITZ NOS BANCOS EM DEFESA DA ‘LEI DA FILA’

As blitz aconteceram em agências bancárias de Jequié

JEQUIÉ: Enquanto em Vitória da Conquista e Itapetinga a ‘Lei da Fila’ está parada no tempo, em Jequié juiz e promotor fiscalizaram os bancos para que a Lei instituída no município desde 1999 seja efetivamente cumprida. Após a vistoria, o representante do judiciário, Paulo Henrique, sinalizou que nos próximos dias será realizada uma audiência pública para dar continuidade ao caso. Na ocasião, bancos, prefeitura municipal e clientes serão ouvidos. “Os bancos sabiam da vistoria e montaram um esquema especial para atendimento, mas os próprios clientes denunciaram que a situação não é costumeira. Ouvimos relatos de falta do equipamento de senha, ausência de bebedouros e de sanitários”, denuncia Celso Argolo, diretor do Sindicato dos Bancários de Jequié. Com informações da Assessoria de Comunicação do Sindicato dos Bancários.

ILHÉUS: PROMOTORA ABRE FOGO CONTRA O NEPOTISMO CRUZADO

ILHÉUS: A diligente promotora Karina Cherubini, do ministério público estadual em Ilhéus, deveria servir de exemplo a muitos de seus colegas “sonolentos” que nada fazem, acomodados com a “sombra fabulosa” do serviço público. Agora, ela decidiu combater o nepotismo cruzado, a presença de parentes de vereadores no executivo municipal.

No dia 05 de agosto, a promotora notificou a secretaria de educação. No documento, ela pede que sejam identificados familiares dos nobres edis, confortavelmente acomodados na “viúva” palaciana. A medida do MPE acertou em cheio o prefeito Newton Lima, que também não está satisfeito com o desempenho dos seus aliados no legislativo, incapazes de entrar numa “bola dividida”.

Os vereadores estão tensos. Dinho Gás e Bel do Vilela, por exemplo, ambos do PSDC, andam assustados. Os dois foram presenteados, pois suas esposas exercem cargos de confiança, nível CC3. Walmary Pereira Souza, cônjuge de Dinho, é coordenadora de administração do CAIC, no bairro Hernani Sá. Já a senhora Geronça Leonilda de Souza, cônjuge de Bel, é assistente de apoio ao usuário do SUS, na secretaria de saúde. Cada uma ganha R$ 1.700,00.

Nos próximos dias, muitas cabeças, de pessoas queridas dos parlamentares, poderão rolar. Blog do Gusmão

JEFFERSON NÃO GOSTOU DOS ATAQUES DE SERRA A COLLOR

Jefferson se referia à reprodução de discurso em que Collor pede votos para Dilma Rousseff

O ex-deputado federal Roberto Jefferson, presidente nacional do PTB, criticou ontem o candidato do PSDB à Presidência, José Serra, por ataques do tucano ao senador Fernando Collor (PTB), candidato a governador de Alagoas, apontado como uma das más companhias da petista Dilma Rousseff.  Em seu blog na internet (www.blogdojefferson.com), ele afirmou que Serra “passou a desferir golpes abaixo da linha da cintura contra o senador Fernando Collor” e disse não saber a razão das críticas. “Nós, do PTB, estamos coligados ao PSDB na campanha nacional e, além de sistematicamente deixados de lado na discussão de estratégias e caminhos para a candidatura, ainda somos vítimas de ataques no tempo de TV ao qual contribuímos. Repudiamos as agressões […]. O que os tucanos estão querendo com os insultos, uma ruptura?” (Folha)


  • 8 de outubro de 2019 | 20:24


  • 8 de outubro de 2019 | 20:02


  • 8 de outubro de 2019 | 09:39

    ITAPETINGA E REGIÃO


  • 19 de agosto de 2019 | 18:45


  • 3 de agosto de 2019 | 21:32

  • HOTEL HERCÍLIA PACHECO
    25 de março de 2019 | 22:23


  • 19 de março de 2019 | 12:52


  • 19 de março de 2019 | 12:38

    Resultado de imagem para sitio itororo


  • 7 de dezembro de 2018 | 00:58


  • 8 de novembro de 2018 | 20:34

  • RSSArquivo de Quentinhas & Boas »


WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
error: Cópia não Autorizada - Sudoeste Hoje!