Nesta segunda-feira (11), véspera do Dia das Crianças, o comércio de Itapetinga conseguiu dar um ‘suspiro’, com a presença de consumidores em algumas lojas do centro comercial, à procura de itens infantis para presentear a criançada, neste ano de crise e alta da inflação.

Nas ruas do centro, o movimento foi moderado na parte da manhã, mas acima do normal, já que o período não permite maiores gastos pelos consumidores.

De acordo com um comerciante local, “o feriadão não foi favorável ao comércio, já que muitas famílias concentraram seus gastos em viagens para as praias de Ilhéus, Itacaré e Porto Seguro, economizando na compra de presentes para a criançada”, desabafou.

No ranking de compras no comércio, o Dia das Crianças perde para o Natal, Dia das Mães e São João, que tradicionalmente costumam atrair mais consumidores às lojas.

Por Davi Ferraz