Recebi esta por e-mail: “Circula a boca pequena pelos gabinetes da Secretaria Estadual de Educação a seguinte informação: vai ser publicado no Diário Oficial do Estado a liberação de um ‘recurso extraordinário’ para mobilização dos professores, que será o seguinte: serão pagos aos diretores e vices, proporcionalmente e de acordo com o porte da unidade escolar, a quantia de R$ 5.000,00 a R$ 15.000,00 como ‘bonificação especial’ para aqueles que conseguirem a reabertura das escolas, com no mínimo de 70% de alunos, até dia 10 de julho. Será liberado também R$ 5.000,00 para contratação de serviço de som para, divulgar retorno as aulas”. Pelo visto, não é por falta de verba que o governo da Bahia não quer papo com os professores. Revoltante! É bom ficar de olho no DO, para ver se isso vai se confirmar.