O prefeito Susumo Itimura (PSDB), de 93 anos, que administra o município de Uraí, no norte do Paraná, teve o mandato revogado pela Câmara de Vereadores na madrugada desta quarta-feira (22). Segundo o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Itimura foi o prefeito mais velho a ser eleito para o cargo no país. O gestor é acusado de improbidade administrativa por realizar pagamentos para uma empresa de informática que nunca prestou serviços para o município.

O processo, de 765 páginas, foi lido pelos vereadores em um julgamento que durou mais de 20 horas. Seis dos oito vereadores votaram pela cassação de Itimura. O advogado de defesa afirmou que o gestor não compareceu ao julgamento porque está com a saúde debilitada, mas que irá recorrer da decisão. O vice-prefeito Almir Fernandes (PTB) tomará posse nesta quarta-feira (22). Informações do G1.