O Tribunal Regional Eleitoral (TRE-BA) multou nesta quarta-feira (3) o instituto AtlasIntel em R$ 53 mil devido a irregularidades identificadas em pesquisa de intenção de votos divulgada pelo jornal A Tarde. Na decisão, a desembargadora Zandra Anunciação Alvarez Parada ainda manteve suspensa a divulgação do levantamento.

A magistrada julgou procedente a representação feita pelo União Brasil, que identificou a ausência de dados relativos aos municípios, bairros abrangidos e identificação da área abrangida pelo instituto. No último dia 19 de julho, a desembargadora já havia concedido liminar para suspender a divulgação da pesquisa.

Ela pontuou na decisão liminar que não foi apresentada na pesquisa a exigida “informação complementar quanto os bairros abrangidos ou a área em que foi realizada a pesquisa, restringindo-se a listar apenas os municípios, conforme se depreende de consulta ao sítio eletrônico no TSE”.