Na manhã desta quinta-feira (29), o secretário da educação, Geraldo Trindade, encaminhou nota para a imprensa esclarecendo os motivos da paralização das obras da nova escola que está sendo construída entre o Vila Érika e o Residencial 12 de Dezembro, com recursos do Ministério da Educação.

De acordo com a nota, a empreiteira que estava construindo a escola abandonou as obras, obrigando o município a realizar novo contrato com outra construtora, para finalizar a construção.

Segundo Geraldo Trindade, a 2ª colocada no processo licitatória teria sido convocada para assumir os trabalhos, mas ficou impedida por problemas na documentação exigida por lei. Diante disto, nova licitação foi aberta, para  contratação de outra empresa construtora e concluir a escola. Confira Nota de Esclarecimento:

ESCLARECIMENTO ESCOLA VILA ÉRIKA