Fiscais da Adab e agentes da Polícia Rodoviária Federal apreenderam no município de Encruzilhada, no sudoeste baiano, uma carga clandestina de alimentos de origem animal, carregados em carros de passeio, caminhão e, pasmem, em um carro carro funerário. O veículo, que está acostumado a transportar outro tipo de presunto, estava carregado de manteiga, frango abatido, salsichas, hambúrguer, peito de frango e calabresa. Com certeza, o destino da mercadoria não era o cemitério, mas algum mercadinho, de preferência em uma ‘encruzilhada’. Deus me livre…