setembro 2011
D S T Q Q S S
« ago   out »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930  
Acesse o Sudoeste Hoje via Mobile em qualquer lugar!
  • Antonio: Vendo esses comentários fico imaginando em que mundo vcs vivem, não o comércio de Itapetinga que vai...
  • Hanilton: Com tanto investimento público nesta empresa é um absurdo se aceitar que se façam isto, é inaceitável, os...
  • carkos: Gente vamos pra rua o prefeito Rodrigo tem que liberar os comerciante
  • AMOSTRA GRÁTIS DO COMUNISMO: COMUNISMO, AMOSTRA GRÁTIS Pouca gente se deu conta que desde o final de Fevereiro/2020...
  • Bruno: No boletim de hj, informa que Itapetinga tem dois casos http://www.saude.ba.gov.br/...
  • Leitor: Algum comunicado do governo da Bahia sobre esse assunto?
  • gilmar: Aqui em maiquinique fomos todos demitidos também
  • Anonymous: Muito triste meu Deus
  • Anonymous: Manda à conta pra o governador pagar
  • Dioclecio: Boa
  • Flávio Cavalcanti: Sobre o comentário do Sr JOANN, está completamente compatível com a realidade do herário...
  • FALA SERIO: Fala sério…o prefeito ouviu a maioria da sociedade, principalmente jovens?…. Será que ele...
  • Anonymous: Agora tá provado, esse hospital só serve de enfeite, só sabe fazer feira de saúde pra tirar dinheiro do...
  • PASSO A PASSO PARA A VITORIA... OU PARA O CAOS: FAÇO ESSA EXPLICAÇÃO, PASSO A PASSO, PARA QUE VOCÊ ENTENDA...
  • JOANN Rezende: E hora de todos unirmos,porém a prefeitura tem que dar a sua resposta. Quando todo esse episódio...
leitores online


TIRO DE GUERRA PODE SAIR DE ITAPETINGA

Tiro de Guerra de Itapetinga (foto arquivo )

Itapetinga, como nunca antes em sua história, vive uma época de incertezas e descalabro administrativo. As coisas positivas custam em acontecer, e quando algo se realiza, fica sempre abaixo das expectativas. Já virou rotina, no noticiário local e regional, informações dando conta do descaso das nossas autoridades em relação à coisa pública e das inúmeras modalidades de escândalos envolvendo pessoas ligadas à administração municipal. Nem é preciso enumerar, pois todos sabem do que estamos falando.

Mal a sociedade itapetinguense tomou conhecimento da suspensão dos atendimentos de emergência e urgência no HCR, chega-nos agora a informação de que o Tiro de Guerra pode deixar a cidade, porque a prefeitura não está disponibilizando os recursos obrigatórios para custear a sua manutenção. Vale observar que é obrigação do município prover o Tiro de Guerra desses recursos, por força de convênio celebrado com o Ministério do Exército.

A situação chegou a este ponto, devido à total falta de sensibilidade do prefeito (de fato), que não vem atendendo aos inúmeros pedidos do comando local, encaminhados através de diversos ofícios, demonstrando  a precariedade dos serviços e até das instalações do TG, que necessita de urgente reforma e conservação. Fonte segura informa que a ordem do secretário da fazenda, entretanto, é tratar o Tiro de Guerra a pão e água, o que é inadmissível.

Segundo as mesmas fontes, o comando da 6ª Região Militar teria dado ao prefeito Zé Carlos o prazo limite de até dezembro próximo, para resolver as demandas do Tiro de Guerra de Itapetinga, naquilo que é seu dever e obrigação, sob pena do seu fechamento, a partir desse prazo.

Pelo que se vê, as coisas na prefeituras degringolaram de vez.

Por DAVI FERRAZ

8 respostas para “TIRO DE GUERRA PODE SAIR DE ITAPETINGA”

  • Anônimo says:

    Esse prefeito qdo sair vai deixar a cidade um caosssssssss
    Que nos ajude nosso Deus!!! Quem mandou votar no homem. E cuidado!! pois o Dr. Arnaldo como Secretário de Saúde deixou a desejar(vai ser cópia do prefeito que aí está).Valorize seu voto para não dar outra mancada.

  • Maestick says:

    Mais uma vez o PREFEITO DE ” BROGODÓ ” falta com a sua responsabilidade!

  • Leo says:

    E mar vermelho,parabéns prefeito..

  • Vítima says:

    Fechar o TG provodaria nos cidadãos dessa cidadizinha o mesmo sentimento de revolta quando fecharam o museu por incompetência, quando destruíram as estátuas feitas por São Felix por motivo políticos, quando derrubaram o antigo mercadão para usarem as madeiras de lei daquele telhado como morões em suas fazendas, quando acabaram com o campo próximo a Central II de Abastecimento (onde vivi minha infância) para fazer aquele galpão, entre iutras coisas. Isso seria só mais uma decepção que vai cair no esquecimento do povinho sem história.

  • Espectador says:

    Uma vergonha.
    Sem comentários.

  • COTURNO LIMPO says:

    Tudo que representa disciplina, ordem, cultura da etica e de valores fundamentais a uma nação que se respeita é jogado as traças. Se as forças armadas estão da forma que estão, imaginem nossos Tiros de Guerra Brasil afora. Esses desgraçados um dia caeam de podre.

    Hoje na Radio Sociedade, o senador Pinheiro entrevistado dizia com muito orgulho que uma comissão de medicos e tecnicos estavam em Cuba. Imaginem, em Cuba pois la era um centro de refencia “fantastico” para vacinas e coisas afim: Verdade Verdadeira. Quando o idolo destes garganteiros, estava enfermo e a beira da morte se mandou para a Espanha para se curar. Fica a pergunta : se Cuba é essa maravilha toda na area medica porque o garganteiro mor do Fidel Castro foi se tratar na Espanha ?
    Me enmgane va, eu adoro este tipo de palhaçada.

  • Coisas que valeram a pena says:

    Ainda lembro quando nas escolas se cantava o HINO NACIONAL todas as semanas. Quando os alunos eram colocados em filas antes de entrarem na sala de aula. Quando existiam as disciplinas EMC (Educaçã Moral e Cívica) e OSPB (Organização Social e Política do Brasil). Ainda lembro da disciplina RELIGIÃO (se tratava de todas as religiões, hoje existe “Cultura Afro”, que é puro cadomblé). Essa é a pedagogia da falência educacional, da falta de ordem e disciplina, da liberdade misturada com libertinagem, do desrespeito, do caos, das agressões verbais e físicas aos professores (aqueles que antes ensinavam, hoje são entitulados com auxiliadores do saber). Pois é, ainda vivo nessa nostalgia inconformado com o presente. Presente de Estatutos da Criança e do Adolescente, presente de doações de fardas, livros e até bolsa-estudo para “insentivar” o aluno a frequentar a escola e ser aprovado com uma média 5 (antes era 7). Ações que levam o aluno a desvalorizar o material que recebe, tipo, é de “graça” não tem valor. ´Em fim, só posso lamentar.

    E no final de tudo ainda sou chamado de ultrapassado. Mas me conforto com bom exemplo de ensino público que tive. Hoje sou Bióloga, Empresário e Funcionário Público Estadual e feliz por ter vivido uma escola de verdade, onde os alunos não usam roupas quase caidondo que deixam expostas as roupas íntimas. Onde os cabelos eram cortados por inteiro (e não somente nas laterais), onde brincos eram coisa de meninas. Onde a barriga ficava dentro da blusa, etc, etc, etc.

    Então é assim…vamos tentar ver até onde essas contruções físicas terão o nome de “escola”, e o que ainda irão “ensinar”.

  • Silveira says:

    É uma pena que isto posso acontecer em Itapetinga, por que depois de tanto esforço nos anos setenta (70) do Tenente Doralino Corrêa – in memori (na reserva como Tenente Coronel) junta a CSM de Ilhéus, conseguiram trazer o Tiro de Guerra para Itapetinga, possa um dia sair desta cidade. Isto mostra o pouco interesse dos nossos governantes por nossa cidade.

Deixe seu comentário



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia