Tácio Feitosa (esquerda) e seu pai deputado Geraldo Simões

O filho mais novo do deputado Geraldo Simões (PT) foi conduzido à Polícia Federal sob acusação de tentar aplicar um calote na boate Hit Music, na Rua Minas Gerais, na Pituba, em Salvador, na madrugada desta quinta-feira (22). Tácio Feitosa consumiu cerca de R$ 438 e na hora de pagar a conta teria apresentado a maior parte do valor em cédulas falsificadas. No entanto, o jovem não esperava que o atendente de caixa estivesse atento. O funcionário percebeu e acionou o gerente do estabelecimento, que tentou resolver o problema de forma “amigável”, mas o familiar do petista negou que as cédulas falsas fossem dele.

A informação foi confirmada ao Bahia Notícias pelo titular da 16ª CP (Delegacia da Pituba), Roberto Nunes, unidade que registrou a ocorrência e, em seguida, encaminhou o acusado à Polícia Federal, única competente sobre delitos dessa natureza. Vale lembrar que outro filho do parlamentar já teve prisão preventiva decretada por ter agredido um fazendeiro (relembre). A reportagem tentou falar com a assessoria da PF para confirmar a prisão do acusado, mas não conseguiu. O deputado Geraldo Simões também não foi localizado, em seus dois celulares.