Em comemoração ao Dia Internacional da Mulher, a Câmara Municipal de Itapetinga realizou uma sessão especial na noite dessa quinta-feira (8), com a participação da psicóloga Solange Sales, que ministrou uma palestra sobre a Saúde Emocional da Mulher. O momento contou com a presença do prefeito Rodrigo Hagge (MDB) e outras autoridades municipais.

Entre os membros da mesa solene estavam o prefeito; a secretária municipal de Desenvolvimento Social, Virgínia Brito; a vereadora Naara Duarte (DEM); a senhora Iracema Hagge; a psicóloga Maria Betânia Gama, coordenadora do CAPS II; a guarda municipal Ana Paula Rosa; a senhora Iraildes Moreira, representando a Paróquia Nossa Senhora das Graças; uma representante das alunas do Colégio José Marcos Gusmão e a palestrante da sessão.

A programação da sessão especial também contou com a participação do poeta Valdeique Oliveira, do cantor Moisés Serafim e das artesãs do grupo Artesanato Catolé, que fizeram uma exposição dos seus produtos do lado de fora do Plenário.

O presidente da Casa, vereador Eliomar Barreira (MDB), o Tarugão, parabenizou todas as mulheres pela passagem do seu dia e prestou homenagem à vereadora Naara Duarte por sua atuação como única mulher no legislativo municipal.

O prefeito Rodrigo Hagge também prestou homenagem às mulheres durante seu discurso. “Nós temos que valorizar as mulheres itapetinguenses, nós temos que valorizar o papel da mulher na sociedade”, ressaltou. Ao mencionar a presença de mulheres que fazem parte da Guarda Municipal no evento, o prefeito falou sobre o empoderamento feminino. “Esse tabu que existe em torno das atividades da mulher, das profissões que a mulher pode exercer, acabou. O lugar da mulher, e muito se fala isso, é onde ela quiser”, salientou.

A psicóloga Solange Sales chamou a atenção para a importância da saúde emocional da mulher, que tem ocupado cada vez mais espaços de poder, conquistado direitos e se destacado no mercado de trabalho. “Esse patamar alcançado pelas mulheres é louvável, mas ainda não é o ideal”, afirmou. Segundo a psicóloga, o acúmulo de responsabilidades pessoais, profissionais e familiares, que muitas vezes é exaltado na sociedade, acaba colocando a mulher no papel de super-heroína, o que provoca um esgotamento físico e emocional.

A sessão especial em homenagem ao Dia Internacional da Mulher foi proposta pela Mesa Diretora da Câmara de Vereadores, que é composta pelos vereadores Eliomar Barreira, Márcio Piu (PSC), Fabiano Bahia (DEM) e Nailton Negreiro (PRB).