A policial militar Sylvia Rafaella Gonçalves Pereira, de 38 anos, foi assassinada, a tiros, no início da tarde desta segunda-feira (5), no município de Ibotirama, no oeste da Bahia. Ela foi morta pelo próprio companheiro, o também PM Edson Salvador Ferreira de Carvalho, de 33 anos.

Lotado na Companhia Independente de Policiamento Especializado (CIPE), o soldado da PM teria atirado na mulher e cometido suicídio. A PM Sylvia Rafaella, que também era “digital influencer”, estava lotada na 28ª Companhia Independente de Polícia, em Ibotirama. Ela era seguida por 67 mil pessoas no Instagram.

O casal estaria em processo de separação e o soldado Carvalho não aceitava. O crime ocorreu no bairro Morada Real. Eles tinham duas filhas pequenas. Os corpos de Rafaella e Edson foram levados para perícia no Departamento de Polícia Técnica (DPT) de Bom Jesus da Lapa.