Candidato à reeleição, o deputado federal Lúcio Vieira Lima (MDB) nem pensa na ídeia de abandonar o palanque do ex-ministro Henrique Meirelles (MDB) na Bahia.

Mesmo com Meirelles patinando nas pesquisas – a exemplo da Datafolha, divulgada nesta segunda-feira (10), em que aparece com 3% – o cacique emedebista descarta um possível apoio ao presidenciável tucano Geraldo Alckmin no primeiro turno da disputa pelo Palácio do Planalto.

“Não existe essa possibilidade. Apoiar Alckmin por que? Meirelles tem 3% nas pesquisas, Alckmin tem 9%. Isso é empate técnico”, disse ao bahia.ba, na manhã desta terça-feira (11).

O emedebista vai passar toda a semana no interior do estado em campanha.