O recuo de ACM Neto causou estrago bem maior do que o previsto. Detonou o Democratas, desarticulou e dividiu as oposições e entregou a eleição de bandeja para Rui Costa. Com Neto enterrado vivo, o PT já comemora a vitória com antecipação e prevê mais 20 anos no poder, com Rui e Wagner se revesando no governo da Bahia. Esse é o preço da covardia e do ‘rabo preso’.

OTTO NA OPOSIÇÃO EM 2022

Conhecido como uma espécie de ‘trator político’, o senador Otto Alencar tem tudo para perder a paciência com o PT, que usa a base aliada como bem quer, mas não passa a bola pra ninguém. O partido de Otto vai inflar nessas eleições, e o senador se credenciará para a disputa ao governo em 2022, contra o próprio PT. Rui vai com Wagner e a oposição se alia a Otto. Podem escrever…

DEM DE ITAPETINGA TIROU O CORPO DE BANDA

Na entrega da usina de asfalto pelo prefeito Rodrigo Hagge e o deputado Lúcio Vieira Lima, lideranças do DEM em Itapetinga tiraram o corpo de banda e não compareceram ao evento. Com exceção dos vereadores Naara, Anderson, Fabiano Bahia e alguns cabos eleitorais, poucos democratas deram a cara, principalmente os de alto escalão no governo municipal. O comentário geral é de que o Democratas de Itapetinga, ‘aliado’ do MDB, adotou aquela velha máxima: “Juntos, mas não misturados”. Deixa a caneta do Saruê comer no birro oitenta, que vai ter ‘gabiraba’ comemorando: Aleluia! Aleluia! Aleluia!

ALÉCIO DEBAIXO DO BRAÇO DE ANTÔNIO BRITO E LÉO MATOS

Não é mais segredo pra ninguém que Alécio Chaves vai ser o candidato do PSD em 2020, com o apoio de Léo Matos, Antônio Brito e a Fundação José Silveira. Pelo que se comenta, a FJS (Hospital Cristo Redentor) vai lançar 4 funcionários como candidatos a vereador na próxima eleição: um vereador atual, a mulher dele, a filha de Kátia Espinheira e Dr. José Roberto, ex-vereador. Isto sem falar no próprio Léo Matos, cotado para a vice de Alécio. Mais candidatos do que médicos…